quarta-feira, 3 de março de 2021

As Emissões Monegascas de Fevereiro - II

 Esta segunda parte de lançamentos filatélicos do Office des Émissions de Timbres-Poste do mês de Fevereiro ocorreu no dia 26, com estes quatro selos que trago hoje, selos que aparecem com o símbolo do "Centenário da Morte do Príncipe Albert I - 2022", centenário que será assinalado com várias manifestações culturais e científicas. Estas emissões destacam o papel que o Príncipe de Mónaco desempenhou na defesa da cultura, dos oceanos e da paz. Assim temos o selo que celebra o centenário do discurso que fez sobre os oceanos no Museu Smithsonian, em Washington a 25 de Abril de 1921, onde alertava já naquela altura para a sobreexploração dos mares com as novas tecnologias. O selo tem trabalho artístico de Sophie Beaujard.

Como defensor da paz, Albert I tentou de forma diplomática melhorar as relações franco-alemãs que se estavam a deteriorar, participando nas regatas de vela de Kiel com o Imperador Guilherme II da Alemanha, participação que é aqui assinalada neste selo com desenho e gravação de Martin Mörck.




A seguir mostro o selo que celebra o "Centenário da Organização Hidrográfica Internacional", fundada no Mónaco em Junho de 1921 para o conhecimento e mapeamento dos oceanos, outra iniciativa do Príncipe Albert I que logo arranjou um espaço condigno para albergar a sede do Bureau. O trabalho de design deste selo é de Thierry Mordant. Por último vem o selo desenhado e gravado pela artista Elsa Catelin, que assinala o "Centenário da Morte de Camille Saint-Saëns 1835-1921", pianista e compositor francês que escreveu e tocou a obra "Ouverture de fête" na inauguração do Museu Oceanográfico de Mónaco, em 1910. 



Sem comentários:

Publicar um comentário